sábado, abril 22, 2006

Decidi mudar um pouco o tom deste blog inutil ( não, Odalisca, não tou a dizer mal de ti...).
Decidi que a força residual deste blog inutil vai passar a ser o elogio da suburbanidade, condição essa que vem constrangindo a humanidade desde que existe o sedentarismo. Daí que seja altura de a defender e elogiar.
Três vivas a la Zapata para todos nós: Os Suburbanos.

sexta-feira, janeiro 06, 2006

Pulchra es amica mea

Pulchra es amica mea
-Laeva ea sub capite meo-
Terribilis ut castrorum
Acies ordinata
-Et dextera ilia amplexabitur me-
Surge amica mea surge te et veni

segunda-feira, dezembro 19, 2005

Labirintos Morais

É de Nietzsche a afirmação de que a moralidade humana é um labirinto. Longe de discordarmos com tão relevante mestre aditamos ainda que todos os assuntos humanos são labirintos: labirinto a moral, a ética, as relações formais/informais, enfim toda a metareflexão que o humano faz de si próprio. A diferença entre uma atitude meramente passiva e uma atitude proactiva pode tornar-se visivel através de simplex artificio (metafora): à passividade corresponde o Asterion de Borges, assim como as suas vitimas até Teseu; à proactividade corresponde o próprio Teseu que, não hesitando instrumentalizar a passio que Ariadne sente por ele, o faz ainda contra o meio irmão desta. Assim é-nos possivel constatar que a metareflexão proactiva, ainda que experiência de autoconhecimento, não está de todo livre de escolhos/escolhas e novos conflictos.

domingo, dezembro 18, 2005

Quando o primeiro àtomo se imobilizou...

Heraclito sonhou certa fria noite em Éfeso que, no fim do seu modelo do Cosmos enquanto "Fogo Renovável", os àtomos se quedariam imóveis, um a um, exauridos, enquanto o Cosmos se desconstruia em inumeras implosões. Um Logos sem Energeia. Assim é o processo do fim. Assim se processam todos os fins!














"A
Distância causa a Ausência, a Ausência a Indiferença, a Indiferença o Esquecimento, e o Esquecimento é a raiz do Nada!"

Pseudo-Heraclito Iconoclasta